Cart

O Elefante para muitas culturas simboliza boa sorte, sabedoria e determinação. Na Ásia e na África o elefante representa o poder soberano, a força, e também é considerada uma montaria para Reis. Na cultura indiana os elefantes são venerados e considerados os animais que suportam o mundo, para eles o universo repousa nas costas de um elefante. É considerado um deus em várias religiões.

Na numismática do antigo mundo possuímos algumas raríssimas moedas com a representação desse majestoso animal, vamos conhecer.



Império Seleucida

Dois dos nossos exemplares são do Império Seleucida. Fundado por Seleucus I Nicator, seguindo a divisão do Império Macedônio amplamente expandido por Alexandre, o Grande. No Auge de seu poder, seu território incluía a Anatólia central, a Pérsia, o Levante, a Mesopotâmia, o que é agora o Kwait, o Afeganistão e partes do Paquistão e Turquemenistão.

O filosofo e historiador grego Strabo, relata que Seleucus teria ido a Índia, onde depois de 2 anos de guerra, entrou em acordo com Chandragupta Maurya, no qual deu sua filha em casamento como um acordo de paz, também trocou seus territórios orientais por uma consideravel força de quinhentos elefantes de guera. O cavalo com chifres, o elefante e a âncora foram todos usados ​​como símbolos da monarquia selêucida, até por isso o Elefante é um simbolo comum para se estar na moeda local.

A primeira moeda foi cunhada, aproximadamente, no ano de 296 a.C., no anverso temos a cabeça laureada de Zeus olhando para direita, possui a borda pontilhada. No reverso temos uma Quadriga de elefantes. Uma quadriga era uma forte carroça de guerra no mundo antigo, considerado o transporte dos Deuses, também era usada nos jogos olímpicos. Aqui nesta moeda, temos a representação de Atena montada na quadriga, brandindo a lança e o escudo, também possui a borda pontilhada. Não existem fontes fieis de onde teria sido sua cunhagem, mas acreditamos que tenha sido na casa da moeda Pérsia ou em Bactria. O Tetradracma de Seleuco I tem um valor médio de mercado de R$ 6.000,00.

Em 281 a.C. temos a cunhagem de uma moeda conhecida como “cabeça de boi”, apesar de ter um cavalo gravado no anverso, existe um adereço retratado na cabeça do animal, um pequeno elmo de chifre de boi, também conhecido como “cavalo de Alexandre”. Trata-se de um moeda extremamente rara, até o presente momento não encontramos nenhuma coleção particular registrada ou museu que detenha tal peça, mas acreditamos que seu valor de mercado seja superior a moeda anterior.

 

Denário de Elefante de Cesar, Roma

O Denário de Elefante de Cesar foi uma das moedas mais usadas na era republicana, estima-se que pouco mais de 22 milhões de peças como essa foram cunhadas. Acredita-se que tal moeda foi cunhada com a prata do Templo de Saturno em Roma e por isso é datada em 49 a.C., contudo a data ainda é controversa.

Podemos ver o elefante cunhado no reverso da moeda, aqui ele simboliza a campanha gaulesa de César contra Ariovistus na batalhas de Vosges em 58 a.C., Em sua frente temos a presença de um cobra, inimigo natural no elefante. Registro apontam que tal representação seria uma afronta para Pompeu, o Magno, que ao tentar uma associação a Alexandre, o grande, montou em um elefante em uma procissão, contudo, passou vergonha ao não conseguir manobrar o animal. Outras alegações apontam o significado da cobra como uma propaganda a vitória do bem sobre o mal.

No anverso da moeda podemos ver alguns símbolos religiosos, provável associação a Cesar por sua posição como chefe da hierarquia religiosa de Roma. Exemplares desta moeda possuem valor médio de R$ 300,00 à R$4.500,00, dependendo do seu estado de conservação.

Demetrios I, Bactria

Bactria era uma região do mundo antigo que agregava territórios do Afeganistão, Turquemenistão, Paquistão, Irã e o norte da Índia. Demetrios foi seu Rei entre 200 e 185 a.C.. As moedas de Demetrios eram em sua maioria cunhadas com seu rosto no anverso usando um chapéu em forma de elefante. Na parte de trás, Hércules fica nu, segurando uma pele de leão e um bastão médio

A moeda na nossa imagem é uma tetradrachm de prata pesando cerca de 17 gramas e um enorme diametro de 32 mm. É um exemplar tão bom, que foi vendido por 1600 libras esterlinas (cerca de R$ 6.600) durante um leilão em 2012 pela Roma Numismatics.

Existe outra moeda de Demetrios nesses moldes, contudo no anverso não há seu rosto, mas sim um elefante completo gravado.

Hannibal, Cartago

Hannibal era um comandante militar cartagineso, geralmente considerado um dos maiores comandantes militares da história. Seu pai, Hamilcar Barca, era o principal comandante de Cartago durante a Primeira Guerra Púnica, seus irmãos mais novos eram Mago e Hasdrubal.

Hannibal viveu durante um período de grande tensão no Mediterrâneo, quando a República Romana estabeleceu sua supremacia sobre outras grandes potências como Cartago, os reinos helenísticos da Macedônia, Siracusa e o império Seleucida. Uma das suas realizações mais famosas foi no início da Segunda Guerra Punica, quando ele marchou com um exército, que incluiu elefantes, da Ibéria sobre os Pirenéus e os Alpes para a Itália. Em seus primeiros anos na Itália, ele ganhou três vitórias dramáticas – Trebia, Trasimene e Cannae, nas quais ele se distinguiu por sua capacidade de determinar as forças e fraquezas de seu oponente e para enfrentar a força e os inimigos fracos – e conquistou muitos aliados de Roma. Hannibal ocupou uma grande parte da Itália por 15 anos, mas uma contra-invasão romana do Norte da África o obrigou a voltar para Cartago, onde ele foi decisivamente derrotado por Scipio Africanus na Batalha de Zama. Scipio estudou as táticas de Hannibal e inventou brilhantemente algumas das suas, e finalmente derrotou o inimigo de Roma em Zama, tendo anteriormente conduzido Hasdrubal, o irmão de Hannibal, para fora da Península Ibérica.

Considerado como um dos maiores estrategistas militares da história, Aníbal seria considerado mais tarde um dos maiores generais da antiguidade, juntamente com Alexandre o Grande, Júlio César, Escipio e Pirro de Épiro. Plutarco afirma que, quando interrogado por Escipião sobre quem era o maior general, disse-se que Hannibal respondeu Alexander ou Pyrrhus, e depois ele mesmo. O historiador militar Theodore Ayrault Dodge chamou uma vez Hannibal o “pai da estratégia”, porque seu maior inimigo, Roma, veio adotar elementos de suas táticas militares em seu próprio arsenal estratégico. Este louvor ganhou-lhe uma forte reputação no mundo moderno, e ele foi considerado um excelente estrategista por homens como Napoleão Bonaparte.

Com o rosto de hannibal olhando para a direito no anverso e um elefante cunhado no reverso, essa moeda de 18mm de prata, pode ser considerada a cereja do bolo das moedas com retratações de elefantes, seu valor comercial pode facilmente ultrapassar a soma de R$12.000,00.

Moedas para outra hora

Seja usado como símbolo de força, de poder ou ligado à alguma religião o elefante foi bastante usado para representações numismáticas nos tempos antigos e por isso faríamos uma pesquisa muito extensa se escrevêssemos aqui sobre todos.
Ainda existem ai outros exemplares perdidos no tempo como o Denarius de Septimius Severus de 193 a.C. Duas moedas Satavahana, Gautamiputra Satakarni de 78 d.C. e Vasisthiputra Sri Pulo de 131 d.C. Dois Ikshvakus, um de 227 e outro de 306 d.C. Ainda, temos algumas moedas tailandesas um pouco mais recentes, fora várias dezenas de moedas recentes que não farão parte dessa série, mas essas são moedas para outra hora.




André Luiz Padilha

Graduado em direito com especialidade em meios alternativos de soluções de conflito e atualmente é estudante de História. Colecionador de moedas desde 1997 e numismata desde 2011. É um ativo divulgador da numismática nacional publicando diversos artigos e estudos por dezenas de plataformas, presta serviços como avaliador e consultor em pelo menos 9 países, também é o fundador da Numismática Castro, do CNERJ e do canal Café e Numismática. É sócio da American Numismatic Association (ANA)

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.